Carta aos participantes da Escola Terra Nova

en de pt-br es
Diante das atrocidades que sucedem em Gaza, e também na Ucrânia, no Brasil, no Iraque, na Síria, nas zonas de comércio livre que se planeiam, queremos dar início a um novo estágio da Escola Terra Nova

Caros amigos e estudantes da Escola Terra Nova,

Saudações de Tamera. Hoje damos início à nossa 20ª Universidade Internacional de Verão. Cerca de 250 participantes chegam de diversos países, muitos deles activos na rede global Terra Nova. Os próximos 10 dias acontecerão sob o título “Terra Nova – Aliança Global para a Cura da Terra.” A Universidade de Verão encontra-se em contacto próximo com a acção de paz que Sabine Lichtenfels e outros levam a cabo actualmente em Israel-Palestina. Trabalhadores pela paz Israelitas e Palestinianos juntaram-se para um “Acampamento de Visão”. Enquanto as bombas caem em Gaza e matam pessoas nas suas imediações, os 50 participantes experienciam entre si o milagre do entendimento humano para além de todas as velhas muralhas e preconceitos. Embora a situação externa seja cada vez mais desoladora, estabelece-se uma esperança renovada em vários participantes, relativa à cura em Israel-Palestina a longo prazo. Podem encontrar relatórios e outros comunicados do “Acampamento de Visão” em:

s//www.facebook.com/aVisionCampinIsraelPalestine

Trata-se de uma decisão fundamental de abandonar o padrão da violência e criar um mundo completamente diferente. Quando vemos as coisas terríveis que sucedem actualmente em Gaza (e não desviamos imediatamente o olhar para reprimir aquilo que vimos), reconhecemos quão profunda tem de ser a resposta do lado da paz, de forma a terminar verdadeiramente esta insanidade.
Diante das atrocidades que sucedem em Gaza, e também na Ucrânia, no Brasil, no Iraque, na Síria, nas zonas de comércio livre que se planeiam, etc, queremos, com a Universidade de Verão, dar início a um novo estágio da Escola Terra Nova. Desta escola, deverá emergir um movimento planetário que liga a fúria global e o grito contra a guerra, com o conceito de uma nova Terra. Precisamos de responder à imensa dor deste mundo com uma perspectiva igualmente imensa para um novo início planetário. Adicionalmente, encontram abaixo os nossos pensamentos e propostas para cooperação futura; iremos também introduzi-las e desenvolve-las na Universidade de Verão em Tamera. Aguardamos com entusiasmo pelo vosso feedback e pela futura participação determinada!

Primeiro, uma introdução teórica:
Mudamos o mundo através de novos campos-de-força mentais e espirituais. Esta é a nova forma de activismo de paz na Escola Terra Nova. Baseia-se numa nova forma de ver a realidade em que vivemos. A entrada na cosmovisão holística abre novas possibilidades para a cura do planeta. Se nos debruçarmos sobre a essência da matéria, átomos e partículas elementares, não encontramos matéria substancial mas, como Einstein disse, encontramos um campo.
O constituinte basilar do universo não é o átomo, mas a energia e a informação. Existem campos invisíveis de energia e informação que conduzem o comportamento de todas as coisas no universo. O professor Britânico Rupert Sheldrake descobriu este princípio na área da biologia e posteriormente desenvolveu o conceito da “criação de campos morfogenéticos”. Consequentemente todos os seres seguem um campo universal no qual os padrões basilares da sua respectiva espécie, do seu sistema biológico e da sua vida estão codificados. Todos os seres passam por uma evolução comum; o seu desenvolvimento progride em saltos. Assim que uma nova forma se desenvolve em um ou mais locais, a probabilidade de esta emergir em todos os outros locais aumenta. Assim que as primeiras catedrais Góticas foram construídas em França no final do séc. XXII, uma onda incrível de catedrais Góticas surgiu por toda a Europa, apesar do design Gótico ser completamente novo e incompreensível para as pessoas. Os químicos observaram repetidamente que uma nova estrutura cristalina, cristalizada num laboratório, frequentemente cristaliza rapidamente em laboratórios de outras zonas do mundo, simultaneamente ou pouco tempo depois. A nova estrutura cristalina, formada num determinado local, cria um campo morfogenético – um novo campo de informação que é acedido em toda a parte e que gera uma nova forma. O mesmo se aplica aos seres humanos e à sociedade. Após vários milhares de anos de uma história de guerra, o todo da humanidade vive num campo morfogenético de guerra. Não são apenas as ordens decretadas por agências de inteligência, bancos, empresas e governos que produzem as atrocidades globais; é todo um campo de informação de medo e violência que controla 7,5 milhares de milhões de pessoas. A matriz de violência actua em todos os sectores da sociedade e das nossas vidas – das estruturas económicas e militares, às estruturas de abastecimento de água, alimento e energia que utilizamos, às áreas do amor, sexualidade e parceria. Trata-se de um padrão global de exploração, opressão e guerra na esfera política, e de um medo da perda, desconfiança, mentira, engano e violência nas relações interpessoais. Apenas podemos colocar um fim ao inferno global quando abandonamos este campo e construímos um novo: o campo morfogenético da paz. Esta é a ideia fundamental do projecto “Terra Nova”. Para isto, trabalhamos em complexos centros-modelo denominados “Biótopos de Cura”, nos quais o campo de informação da cura global é explorado e desenvolvido em novas e concretas estruturas de vida, ao nível social e ecológico. Os Biótopos de Cura actuam através da sua ressonância interna com os padrões da vida universais da Matriz Sagrada, que se encontram ancorados em todos os seres. Assim que um modelo complexo que corresponda à Matriz Sagrada é criado, inicia-se a difusão de uma grande força de paz. Todos os grupos que trabalham nesta perspectiva fortalecem o novo campo planetário. Dieter Duhm descreve esta ideia em detalhe na sua “Teoria Política”. A teoria conclui que a humanidade e a Terra podem ser curadas e libertadas da guerra num curto período de tempo, caso seja possível inserir informação correspondente no todo. Dieter Duhm escreve, “Desta forma é facilmente concebível que uma sociedade humana planetária se poderia desenvolver, na qual os participantes já não se encontram física e psicologicamente predispostos a quaisquer acções violentas, pois já não recebem impulsos que os guiam nessa direcção. Os participantes vivem num holograma diferente. Das diversas possibilidades da base-de-dados cósmica, manifesta-se um mundo de solidariedade, cura e amor.” Enviamos a secção aprofundada de estudo “Visão Geral sobre a Teoria Política”, do livro “The Sacred Matrix” [A Matriz Sagrada], de Dieter Duhm.

Como posso participar na construção de um novo campo de informação? No projecto de Tamera e da Escola Terra Nova, chegámos agora a um limiar onde procuramos urgentemente novos colaboradores que queiram estudar estes pensamentos e apoiar a sua implementação.

1. Espalhem a informação: Convidamos pessoas que queriam apoiar-nos na distribuição dos nossos livros e textos – no sentido de produção (layout e design), marketing (redes sociais e outros canais) e tradução. Convidamos programadores e web-designers. Pedimos que criem bases para esta ideia nas vossas cidades, permanecendo em estreita cooperação connosco. Precisamos de uma inteligência internacional colaborativa para superar o campo global de guerra. Estamos abertos a feedback de todas as partes, e ao intercâmbio entre os locais onde é realizado trabalho no novo campo de informação. Martin Luther King Jr. disse, “Os que amam a paz devem organizar-se tão eficazmente como os que amam a guerra.” Convidamos peritos nos meios de comunicação – pessoas que saibam utilizar eficazmente a internet para a divulgação de novos conceitos e ideias. Convidamos espíritos criativos que queiram implementar artisticamente o sonho de uma nova Terra na forma de imagens, ícones e sinais. Devemos relembrar as pessoas que existe uma outra possibilidade de vida. Colaboremos eficazmente para o novo campo-de-força.
Uma mensagem importante neste momento, maioritariamente para a rede alemã: Dieter Duhm completou recentemente o seu novo livro, com o título “Terra Nova: Revolução Global e Cura do Amor.” Este conduz o leitor rumo a ponto interior onde é possível “alterar o interruptor”, de forma a produzir grandes mudanças no exterior. O livro contém um profundo conhecimento de paz que emergiu de mais de 40 anos da sua investigação. É uma espécie de manifesto e texto basilar para o desenvolvimento do movimento Terra Nova.
No dia 9 de Novembro de 2014, Dia Global de GRACE, o novo livro será lançado nos países de língua alemã! (Será publicado em Inglês por volta da Primavera de 2015.) Estamos neste momento a preparar uma campanha especial para a distribuição deste livro – primeiramente na Alemanha, Áustria e Suíça – e posteriormente nos países de língua inglesa, portuguesa e espanhola.
Aqui encontram-se algumas ideias sobre como podem participar na campanha: Organizem leituras, seguidas por uma tertúlia (“World-Café”) para dar início a conversas sobre o conteúdo. Após uma certa regularidade nos eventos, podem surgir “tertúlias Terra Nova” (“cafés Terra Nova”), pontos especiais de encontro mental e espiritual onde os inspirados e os que buscam se podem juntar no espírito de uma nova era.
Estabeleçam canais criativos para a distribuição dos livros. (Receberão um desconto correspondente e poderão ganhar algo com a sua venda.) Escrevam críticas e enviem-nas para meios de comunicação da vossa preferência. Recomendem os livros no vosso círculo de amigos.

2.Criem grupos de estudo! O desenvolvimento de grupos de estudo activos é o primeiro passo rumo à criação de comunidade. Quanto mais os grupos puderem comunicar acerca da perspectiva maior que representam, mais estes poderão trabalhar em conjunto e seguir uma abordagem comum. O novo campo morfogenético é um campo-de-força comunitário. A nova sociedade emerge de grupos nucleares de pessoas que colocam a criação de comunidade, solidariedade e confiança acima dos seus interesses privados. Comunidade é um objectivo ambicioso na revolução actual; para a reconstruir é necessário um grande conhecimento e uma profunda prontidão para a auto-transformação. Quase não existe uma mudança tão drástica, como a mudança de um estilo de vida privado para um estilo de vida comunitário.
Os novos grupos precisam de pessoas que estejam dispostas a iniciar e a levar a cabo este processo. Este é um trabalho importante. O mundo necessita de participantes que tenham a coragem de assumir responsabilidade e ocupar posições de liderança. Já não nos podemos dar ao luxo de desperdiçar a nossa energia vital no ping-pong das discussões grupais habituais. Quantos debates intermináveis e quantos supostos “problemas” surgem nos diversos grupos alternativos do mundo ocidental, apenas por não existir vontade ou nenhum objectivo real entre os participantes? A liderança, no seu melhor sentido, não é dominação sobre os outros, mas pelo contrário, é dar espaço aos outros para crescer e actuar rumo ao seu pleno potencial. Pedimos-vos que escolham um representante! Oferecemos uma conferência Skype mensal para os diferentes grupos linguísticos, onde podem colocar as vossas questões e elevar os tópicos actuais, de forma a intensificar o trabalho com os grupos. Adicionalmente queremos convidar todos os líderes dos grupos a participar num treino aprofundado em Tamera. Assim que possível, enviaremos informação relevante acerca disto.
3. Sigam a ética objetiva! Cada ser humano desperto, actualmente, chega inevitavelmente a um ponto de decisão: Quero continuar a viver nos velhos padrões, ou quero entrar numa vida baseada na ética objectiva da verdade, apoio mútuo e solidariedade? A nova forma requer coragem…
Com cada pensamento, palavra e acção, posicionamo-nos num lado ou no outro; contribuímos para o velho campo da guerra ou para o novo campo da paz. Transportamos em nós um sensor ético que nos diz se o nosso comportamento é certo ou errado. Peregrina de Paz diz “Existe um critério através do qual podes julgar a precisão dos teus pensamentos e acções, e o critério é: trouxeram-te paz interior? Se este não for o caso, existe algo de errado neles – por isso continua a tentar.”
A renovação ética mais profunda encontra-se na área erótica. Para curar as relações feridas entre os géneros, precisamos de confiança no amor. Existe uma directriz para todos nós: Verdade no amor – nunca mintam ao vosso parceiro!

Em todas as áreas – nas questões relativas ao activismo político, aos hábitos de consumo, tanto como nas relações amorosas, a directriz para Peregrina de Paz é “Fala, pensa e age de forma a que a paz surja dentro de ti.” Se algo criou realmente paz dentro de nós, então irá também gerar paz nos outros. A paz é uma frequência contagiosa. Fazemos este trabalho não apenas por nós próprios, mas ao serviço dos que se encontram em Gaza, na Síria, em África. Em cada momento em que alteramos o “interruptor interior”, do medo para a confiança, da comparação para a compaixão, da raiva para o poder, fortalecemos o campo de Terra Nova. Agradecemos desde já a todos os que irão participar activamente nesta acção. Por favor enviem-nos feedback sobre se querem e como querem participar e assumir responsabilidade. Aguardamos com entusiasmo pela futura cooperação!

Em nome das crianças.
Para que em breve se termine a guerra na Terra.

 

 

One thought on “Carta aos participantes da Escola Terra Nova

  1. Boa noite à todos!
    Minha vida hoje recebeu um novo significado! Feliz e cheio de esperanças!
    Depois que entrei e conheci o site do Tamera, e o trabalho extraordinário feito por vocês, não consigo parar de ler, conhecer, me emocionar e maravilhar por saber que esta comunidade de fato, existe!
    Meu coração está dançando de alegria e sentindo…Como ajudar? Como participar desse projeto grandioso de amor?
    No próximo encontro do Grupo Relações Livres do RJ, levarei um texto do Tamera e pedirei que esta seja a pauta do outro encontro que tivermos…
    Vocês são lindos e cheios de amor pela humanidade!
    Conquistaram o meu coração!
    Muito obrigada por esse trabalho maravilhoso de amor e paz!
    Lucy.

Share your thoughts:

Your email address will not be published. Required fields are marked *